Dicas

7 Dicas de organização

Você provavelmente já deve ter ouvido falar da japonesa Marie Kondo, que hoje é considerada uma nova guru da arrumação, autora do livro “A Mágica da Arrumação”, e também a estrela da nova série da Netflix “Ordem na Casa”, é ainda considerada umas das 100 pessoas mais influentes do mundo segundo a revista norte-americana Time.

Em seu livro, e na série, ela explica e trabalha o método KonMari, que tem como promessa ser utilizado uma única vez, se feito corretamente, é claro.

Mas, além da organização, a proposta do método é também trocar energias e abrir espaço para o novo, e por isso separamos algumas dicas para te ajudar nessa jornada (nota a gente #MarieKondo):

1.      É hora de dar tchau

O primeiro passo é desapegar, se livrar de excessos e abrir espaço para o novo, vai dizer que você não tem aquela calça jeans de 5 anos atrás que você não usa em seu armário? Pois é, são por peças como essa que você deve procurar.

Deixe em seu armário apenas as peças que te fazem feliz e que você realmente vai usar e, para isso, basta apenas uma boa olhada no armário, fazendo uma avaliação individual de cada item.

Ao que considera não ter mais importância, e que esteja ainda em boas condições, doe para quem precisa! Você verá como essa “limpa” em suas roupas e acessórios já fará uma grande diferença em seu armário, troca as energias, sabe? É bem importante esse passo.  

2.      O cabide é o seu melhor amigo

Já que as roupas que foram deixadas no armário são importantes para você, cuide bem delas, se você tem camisas ou vestidos, nunca, jamais, guarde essas peças de qualquer jeito!

Além de economizar tempo por não precisar passar novamente essa peça, ainda não virou tendência sair toda amarrotada (o) por aí.. hehe

As camisas devem ser sempre penduradas nos cabides e sempre abotoadas, já os vestidos, devem ser pendurados de maneira correta também, sem deixar dobras.

Pode parecer besteira, mas ao guardar essas peças certinhas, elas não correm riscos de deformarem, assim durando mais tempo, afinal, roupas não são descartáveis!

3.      Calças impecáveis

Achou que as calças poderiam ser guardadas de qualquer maneira, né? Achou errado!

Elas também precisam de cuidado, podem ser dobradas ou penduradas, tomando cuidado apenas para não deixar vincos, você define a melhor maneira de acordo com espaço que você tiver em seu armário.

Agora, as calças que não amassam, como as jeans (amamos), podem ser guardadas em forma de rolinho, assim até economiza espaço.  J

4.      Não esqueça da gaveta

O melhor jeito de guardar lingeries, cuecas e meias é na gaveta com divisórias, e o mesmo vale para pijamas, roupas de ginástica, sungas e biquínis.

Na dúvida do que guardar na gaveta ou cabide, use a seguinte lógica: A roupa estica, deforma ou amassa quando é pendurada? Se a respostar for sim, dobre e coloque na gaveta.

5.      Rei e rainha das dobras

Não tem forma melhor para guardar suas camisetas do que com uma bela dobra, pode inclusive fazer uma base para todas fiquem do mesmo tamanho, assim elas ocupam o mesmo espaço, e você economiza tempo e otimiza espaço em seu armário.

Com suas roupas dobradas em tamanhos iguais, o próximo passo é empilhar as peças como uma cascata, com um espaço de mais ou menos dois dedos para dentro da anterior, uma vez que essa técnica ajuda a reconhecer as peças de forma mais prática e rápida durante uma busca.

A própria Marie Kondo possui um método exclusivo para dobrar roupas, O KonMari, que é perfeito para camisas e camisetas de manga longas, ele é baseado na arte japonesa dos origamis. Veja abaixo:

Já no caso das roupas íntimas, é preciso alguns cuidados especiais, afinal não é só fazer uma bolinha na meia e guardar, é preciso dobrar os pares e ajeitar eles na gaveta de forma que você consiga visualizar todas as peças.

Os sutiãs são os que merecem mais atenção, para os que possuem bojo e aro, o ideal é sempre guardar aberto. Mas, se você não tiver espaço em sua gaveta para guardá-lo assim, é possível deixá-los de lado também.

1.      Organize por cores e estampas

Se você quer entrar de cabeça na organização, ao separar suas roupas por cores e estampas, você possui a vantagem de conseguir uma harmonia em seu armário e facilitar o processo de procura.

Mas, não é apenas por cor e estampas que você pode fazer a divisão, as camisetas, por exemplo, podem ser separadas por comprimento da manga, e depois por cor e estampas. O ideal é que você faça a divisão da forma que fique mais fácil para você encontrar a peça que deseja depois, sem gastar tempo e nem fazendo aquela bagunça na hora da pressa.

2.      Sapatos em ordem

Quando falamos de organização e otimização de espaço de um guarda-roupa, não estamos falando apenas das roupas, mas do sapato também.

Assim, na hora de organizar quem te acompanha para cima e para baixo todos os dias, deve-se sempre analisar o espaço que tem, e considerar guardá-los fora do guarda-roupa, para tudo tem solução!

Alterne os sapatos, use caixas ou organizadores, canos de PVC, latas de tintas, use sua criatividade e os materiais que você tem em mãos. Veja algumas ideias abaixo:

Canos de PVC:

Escada:

Cabides:

Agora que você já sabe todos os passos para organizar seu armário e deixá-lo pronto para peças novas, chegou a hora de entrar em nosso site para renovar suas camisetas fazendo o bem.

É isso mesmo, já pensou que legal você ter a possibilidade de adquirir essas peças novas e ainda assim estar ajudando alguém que precisa de atenção? Com a ROPA isso é possível!

Quem compra uma camiseta da ROPA, não está adquirindo uma simples peça, mas sim uma causa e a vontade de proporcionar um futuro muito melhor para as nossas crianças.

Ao comprar um produto ROPA, um kit educacional é doado para a instituição de onde a criança que desenhou a estampa faz parte.

Faça parte dessa história. Entre nessa causa. Vista ROPA!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *